Ateliê Recordar Blog

Filmes, séries, clipes musicais, desenhos animados, comerciais. Tudo que passou na tv durante os anos de 1980 e 90, porque recordar é viver, reviver!

Paralamas do Sucesso


O Ateliê Recordar Blog relembra a história do Paralamas do Sucesso. Banda que completou 30 anos de carreira em 2013 e recebeu diversos prêmios ao longo da carreira, como: Grammy Latino, Troféu Imprensa, Prêmio da Música Brasileira, além de VMB da MTV Brasil. O Paralamas marcou os anos 80 com seu pop- rock de qualidade e inúmeros hits de sucesso, o que manteve a banda como referência de boa música até os dias de hoje.


A banda Paralamas do Sucesso começou a trilhar um caminho profissional em 1982, quando o grupo enviou uma fita com três músicas para Rádio Fluminense. A música "Vital e sua moto" tocou bastante durante o verão de 1983, e os Paralamas tiveram a primeira grande apresentação, ao abrir o show do Lulu Santos, no Circo Voador. Também assinariam contrato com a EMI, gravando o álbum Cinema Mudo.


Em 1984, lançaram o álbum O Passo do Lui, que estourou várias músicas como: "Óculos", "Me Liga", "Meu Erro", "Romance Ideal". O sucesso do disco levou o grupo a tocar no Rock in Rio. Em 1986, o álbum Selvagem?, misturava novas influências, principalmente da MPB. Com sucessos como "Alagados", "A Novidade" com participação de Gilberto Gil, "Melô do Marinheiro" e "Você" de Tim Maia. O disco vendeu 700.000 cópias e credenciou os Paralamas a tocar no Festival de Montreux, no ano seguinte.


O show no festival da cidade suíça viraria o primeiro disco ao vivo da banda, de nome D. Os Paralamas também fizeram turnê pela América do Sul, ganhando popularidade em Argentina, Uruguai, Chile e Venezuela. Em 1988 gravaram o álbum Bora-Bora, que foi aclamado pela crítica. Depois vem Big Bang, que trouxe o hit "Lanterna dos Afogados". E a coletânea Arquivo, com uma regravação de "Vital" e a inédita "Caleidoscópio".


Na década de 90 a banda entra em uma fase de experimentação, lançam Os Grãos, disco com enfoque nos teclados e menor apelo popular, que não foi bem nas paradas e na vendagem. Os Paralamas fazem uma pequena pausa e Herbert lança seu primeiro disco solo. Em 1993, a banda viaja para a Inglaterra e grava o álbum Severino, o disco lançada em 94 era ainda mais experimental e não fez sucesso. No entanto, se no Brasil os Paralamas estavam esquecidos, no resto da América eles eram ídolos, a coletânea de versões em espanhol estourou principalmente na Argentina.


Uma série de três shows, gravada no fim de 1994, viraria em 1995 o disco ao vivo Vamo Batê Lata, que tinha ainda quatro músicas inéditas, com destaque para “Uma Brasileira”, parceria de Herbert com Carlinhos Brown e participação de Djavan, “Saber Amar” e a polemica “Luís Inácio” (300 Picaretas), que criticava a política brasileira. O retorno ao sucesso de público e crítica leva os Paralamas de volta ao topo, com uma vendagem de 900 mil cópias.


Nove Luas, de 1996, e Hey Na Na, de 1998 continuaram o caminho de êxito com faixas como “Lourinha Bombril” e “Ela Disse Adeus”. Em 1999, a MTV Brasil chamou os Paralamas para gravar um Acústico MTV, o álbum acabou sendo um enorme sucesso, ganhou o Grammy Latino e teve turnê de shows lotados. Em 2000, lançaram uma segunda coletânea, Arquivo II, com músicas de todos os álbuns entre 1991 e 1998, exceto Severino, e a inédita "Aonde Quer Que Eu Vá".


Em fevereiro de 2001, um ultraleve pilotado por Herbert Vianna teve um acidente em Mangaratiba, no Rio de Janeiro, que vitimou a mulher de Herbert, Lucy, e o deixou paraplégico, ele ainda teve perda de parte da memória. Porém, em 2002, ele mostrou que podia tocar e a banda gravou o disco Longo Caminho, com canções que já estavam preparadas antes do acidente. A volta às turnês teve muito êxito, com shows lotados. E aproveitando o clima emocional dos shows da turnê, a banda gravou Uns Dias Ao Vivo, com participações especiais de: Dado Villa-Lobos, Djavan, Nando Reis, Paulo Miklos, George Israel e Roberto Frejat.


Em 2005, os Paralamas lançam Hoje , o primeiro com músicas totalmente inéditas, o disco teve uma boa aceitação. No início de 2006, foi lançado o DVD Hoje Ao Vivo e no mesmo ano foi lançado um documentário sobre Herbert Vianna, Herbert de Perto. Em 2008, os Paralamas completaram 25 anos de carreira, comemorados com uma série de shows junto com os Titãs, que também estavam há 25 anos na estrada. A série de shows culminou em um espetáculo realizado na Marina da Glória, Rio de Janeiro, lançado em CD e DVD e intitulado Paralamas e Titãs: Juntos e Ao Vivo.


Em 2009, os Paralamas lançaram seu disco, Brasil Afora, com participação de Carlinho Brown e Zé Ramalho. No final do ano seguinte os Paralamas gravam no Rio de Janeiro o CD e DVD Multishow Ao Vivo Brasil Afora com participação de Pitty. O lançamento do DVD ocorreu em Abril de 2011 em um especial do canal Multishow.


Ao completar 30 anos de carreira, em 2013, o Paralamas preparou uma turnê nacional, que inspirou um documentário produzido pelo canal Bis, com depoimentos dos integrantes da banda. Em agosto de 2014, em parceria com o canal Multishow e a gravadora Universal Music, é lançado o álbum Multishow ao Vivo Os Paralamas do Sucesso - 30 Anos, que registra em CD e DVD o espetáculo realizado durante a turnê de aniversário.


Em 2016, foi anunciado que a banda, juntamente com o cantor Nando Reis e às cantoras Paula Toller e Pitty, embarcariam em uma turnê pelo Brasil, promovida pelo projeto Nivea Viva Rock Brasil. A série de sete shows faz homenagem ao rock brasileiro.


FORMAÇÃO:

Herbert Vianna (vocal e guitarra)

Bi Ribeiro (baixo)

João Barone (bateria)

PRINCIPAIS SUCESSOS DO PARALAMAS:

VITAL E SUA MOTO (1983)

CLIPE ORIGINAL - MEU ERRO (1984)

CLIPE ORIGINAL – ALAGADOS (1986)

CLIPE ORIGINAL – LANTERNA DOS AFOGADOS (1989)

PARALAMAS E CARLINHOS BROWN - UMA BRASILEIRA NO VMB (1995)

CLIPE ORIGINAL - ELA DISSE A DEUS (1998)

CLIPE ORIGINAL – AONDE QUER QUE EU VÁ (1999)

DVD MULTISHOW AO VIVO OS PARALAMAS DO SUCESSO - 30 ANOS (2014)

DISCOGRAFIA:

  • ÁLBUNS DE ESTÚDIO

1983 - Cinema Mudo

1984 - O Passo do Lui

1986 - Selvagem?

1988 - Bora-Bora

1989 - Big Bang

1991 - Os Grãos

1994 - Severino

1996 - Nove Luas

1998 - Hey Na Na

2002 - Longo Caminho

2005 - Hoje

2009 - Brasil Afora

  • DVDs

1987 - V, O Vídeo

1995 - Vamo Batê Lata

1999 - Acústico

2002 - Longo Caminho

2003 - Arquivos de Imagens

2004 - Uns Dias

2006 - Ao Vivo Hoje

2007 - Rock in Rio 1985

2008 - Paralamas e Titãs Juntos e Ao Vivo

2009 - Legião Urbana e Paralamas Juntos

2011 - Multishow Ao Vivo Brasil Afora

2014 - Multishow Ao Vivo - Os Paralamas do Sucesso 30 Anos

FONTE: wikipedia, youtube.com, osparalamas.uol.com.br

Gostou do post? Então curta, comente e indique para o amigo(a) o Blog do Ateliê Recordar. Tudo foi feito com o maior carinho sem ganhar nada em troca. Quer ver algum tema específico? Então comenta aqui para mim! ;)

Posts Em Destaque
Atâlie Recodar - Conheça nossos posters!
Arquivo
Participe do nosso grupo
RECORDAR É VIVER, REVIVER!
Recorde as músicas, brinquedos, moda e comidas da época. Participe das enquetes, veja clipes e volte no tempo conosco.