Ateliê Recordar Blog

Filmes, séries, clipes musicais, desenhos animados, comerciais. Tudo que passou na tv durante os anos de 1980 e 90, porque recordar é viver, reviver!

Os Caça-Fantasmas (Ghostbusters - 1984)


Gostava mais do desenho, mas impossível não se lembrar do filme. O Ateliê Recordar Blog relembra o clássico Ghostbusters, ou Os Caça-Fantasmas como ficou conhecido aqui no Brasil. O filme americano que teve o seu lançamento em junho de 1984, do gênero ficção científica e comédia, foi dirigido por Ivan Reitman com roteiro de Dan Aykroyd e Harold Ramis, que também participam como atores. O filme distribuído pela Columbia Pictures arrecadou cerca de 291 milhões de dólares, tornando-se o segundo filme em arrecadação do ano de 1984, apenas cinco milhões de dólares a menos que Um Tira da Pesada.



SINOPSE Em Nova York Peter Venkman (Bill Murray), Ray Stantz (Dan Aykroyd) e Egon Spengler (Harold Ramis) são três cientistas do departamento de psicologia da Columbia University, que se dedicam ao estudo de casos paranormais. Quando a subvenção termina eles são despedidos e Venkman sugere que abram um negócio próprio, a exterminadora de fantasmas "Ghostbusters". Inicialmente eles só têm despesas e nenhum cliente, mas eis que surge Dana Barrett (Sigourney Weaver), uma violoncelista que teve uma experiência assustadora em seu apartamento.



CAPA VHS

CAPA DVD

TRAILER

CHAMADA GLOBO (SESSÃO DA TARDE - 2003)

PARTES DO FILME EM HD

PERSONAGENS PRINCIPAIS

  • Dr. Peter Venkman (Bill Murray): Professor universitário de parapsicologia e caçador de fantasma. É o malandro, engraçadinho, o manipulador do grupo.

  • Dr. Raymond Stantz (Dan Aykroyd): Professor universitário de parapsicologia e caçador de fantasma. É o especialista em história da paranormalidade.

  • Dr. Egon Spengler (Harold Ramis): Professor universitário de parapsicologia e caçador de fantasma. É o gênio da ciência do grupo.

  • Dana Barrett (Sigourney Weaver): Música vizinha de Louis utilizada como hospedeiro humano pela criatura, guardião de Gozer.

  • Louis Tully / Vinz Clortho (Rick Moranis): Contador vizinho de Dana utilizado como hospedeiro humano pela outra criatura, guardião de Gozer.

  • Winston Zeddmore (Ernie Hudson): O quarto e último integrante dos caça fantasmas que foi contratado pelo crescimento do serviço.

  • Janine Melnitz (Annie Potts): Secretária da equipe de caça fantasmas.

  • Walter Peck (William Atherton): Agente de Proteção Ambiental dos EUA. Tenta acabar com o negócio dos caça fantasmas.

ANTES E DEPOIS DOS PERSONAGENS

Bill Murray (66 anos)

Harold Ramis (faleceu em 2014, com 70 anos)

Dan Aykroyd (64 anos)

Sigourney Weaver (67 anos)

Rick Moranis (63 anos)

Ernie Hudson (71 anos)

Annie Potts (64 anos)

William Atherton (69 anos)

CURIOSIDADES

  • O roteiro original de Os Caça-Fantasmas, escrito apenas por Dan Aykroyd, era futurista e iniciava o filme já mostrando um carro voador dos Caça-Fantasmas saindo da base do grupo. Foi o diretor Ivan Reitman quem sugeriu que seria melhor se o filme mostrasse como os Caça-Fantasmas foram formados.

  • O personagem Peter Venkman foi originalmente escrito para o ator John Belushi, Winston Zeddmore para Eddie Murphy e Louis Tully para John Candy. O motivo de Belushi para não assumir o papel de Dr. Venkman foi ele ter morrido, vítima de uma overdose, em 1972. Após isso, Chevy Chase e Michael Keaton foram chamados para o papel, mas recusaram-no e Eddie Murphy, não assumiu o papel de Zeddmore pois, na época, estava filmando “Um Tira da Pesada”.

  • O fantasma Geléia foi inserido na história por Aykroyd, como referência ao espírito de John Belushi.

  • O elenco e a equipe da produção se referiam ao Geléia como "Cabeça de Cebola" por causa do quão ruim cheirava o plástico usado na confecção da fantasia do personagem.

  • O clássico logo “no-ghosts” foi criado pelo produtor Michael C. Gross que, antes de sua vida cinematográfica, havia trabalhado como consultor de arte para os Muppets, Jhon Lennon e a banda Rolling Stones. Gross também produziu Caça-Fantasmas II.

  • No trailer de Os Caça-Fantasmas exibido nos cinemas norte-americanos era apresentado um número de telefone. Quem ligava ouvia mensagens gravadas por Bill Murray e Dan Aykroyd que diziam "Olá. Nós estamos fora capturando fantasmas neste momento". Na época de lançamento do trailer o número recebeu uma média de 1.000 telefonemas por hora, 24 horas por dia, durante 6 semanas. Um ótimo exemplo de marketing viram em plenos anos 80.

  • A gosma que cai sobre a cidade, quando o Stay Puft (Marshmallow Man) explode, era, nada mais, que creme de barbear. Mais de cinco galões de creme foram despejados em cima do ator William Atherton.

  • O personagem de William Atherton, Walter Peck, foi tão odiado por alguns fãs que eles o paravam na rua para lhe falar desaforos. Algumas vezes, essas discussões viraram até mesmo brigas de verdade.

  • Atualmente, a base dos Caça-Fantasmas funciona como oficina mecânica. Caso você queira encontrá-la no Google Maps, ela está localizada na 14 N. Moore St., Manhattan, Nova York.

  • Após o grande sucesso do primeiro filme, uma continuação foi lançada em 1989, trazendo o elenco original e mantendo a fórmula que tornou o primeiro filme num clássico. 25 anos depois, uma nova continuação estava sendo planejada, trazendo o elenco original e mostrando o grupo passando o bastão para a nova geração. Porém, a continuação foi interrompida pela morte de Harold Ramis (Egon Spengler), que atingiu a todos como um soco no estômago, principalmente o diretor, que era um grande amigo de Ramis e acabou desistindo da continuação. Porém, o projeto acabou sendo reativado e o novo filme foi gravado e já está nos cinemas com o título de “As Caça-Fantasmas“.

  • A música tema do filme, "Who you gonna call?", escrita por Ray Parker Jr., foi feita contra o tempo para deixá-la pronta para o filme. Para a gravação, ele usou pessoas que ele tinha por perto, como amigos e a namorada. No final das contas, a música acabou se tornando um dos grandes clássicos dos anos 80.

  • Quase nenhuma cena foi exatamente como previsto, algumas tiveram algum tipo de improviso, um ou dois. As falas de Bill Murray, por exemplo, foram praticamente todas improvisadas.

BRINQUEDOS DA ÉPOCA






FONTES: wikipédia, youtube.com, adorocinema.com, medob.com.br, geekable.com.br

Gostou do post? Então curta, comente e indique para o amigo(a) o Blog do Ateliê Recordar. Tudo foi feito com o maior carinho sem ganhar nada em troca. Quer ver algum tema específico? Então comenta aqui para mim! ;)



Posts Em Destaque